O ano letivo de 2021 começa em muitas cidades catarinenses a partir desta segunda-feira (8) com o retorno presencial das atividades de ensino. Aos poucos, as redes estadual, municipal e privada de Santa Catarina começam a divulgar o planejamento para o calendário ainda em meio à pandemia do coronavírus, que fez as unidades de ensino fecharem em março do ano passado.

Alguns municípios poderão ter o início do ano letivo em datas diferentes em função da situação da Covid-19 nas regiões. Em Blumenau, no Vale do Itajaí, 124 instituições de ensino retornaram nesta manhã. Em Joinville, no Norte, 87 escolas e 73 Centros de Educação Infantil (CEIs) reabriram. No Sul, apenas alunos das creches de Criciúma voltaram para as atividades nesta segunda.

Em Florianópolis, o retorno está previsto para quarta-feira (10). Já as unidades de educação de Chapecó Lages devem reabrir apenas na próxima semana.

A volta às aulas poderá ser em três formatos diferentes, com atividades 100% pela internet, como foi durante 2020, 100% presencial no modelo tradicional ou um formato híbrido, com revezamento entre momentos na escola e outros em casa, com atividades online. Cada município pode escolher a maneira como as escolas vão atender neste início de ano letivo, desde que sigam as medidas gerais determinadas pelo Estado.

O retorno às escolas foi autorizado com base em uma série de regras sanitárias definidas pelo governo estadual e aplicadas pelos municípios. Em 8 de dezembro de 2020, o governador Carlos Moisés (PSL) sancionou o projeto de lei que considera as aulas presenciais na educação como atividade essencial durante a pandemia da Covid-19.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

X
Open chat